Social Icons

HQ Euro: Os Filhos d'El Topo - Livro 1


Como prometido no post que fiz sobre El Topo,
essa é a sequência do um filme cult em HQ!


No árido Oeste, El Topo foi um bandido que, abrindo as portas de seu coração, tornou-se um santo capaz de fazer verdadeiros milagres. De duas mulheres diferentes, ele teve dois filhos. Funesta de couro negro caminhando no deserto, Caïm, "O Maldito", jurou matar aquele pai a quem nunca perdoou. Incapaz de saciar sua sede de vingança, ele decide mirar em seu meio-irmão, Abel. Nesse selvagem Oeste, impregnado de misticismo, aqueles que cruzarem seu caminho serão apenas vítimas colaterais. 

"Em Nova York, em 1970, nenhuma sala de cinema aceitou (de cinema “normal”, esse cinema cuja finalidade é fazer dinheiro e não ser audacioso, cinema de rasa profundidade) projetar meu filme El Topo. Sua premiere aconteceu no Elgin, um cinema de histórico pornográfico. Seu simpático proprietário, cujas projeções começavam à meia-noite, se ofereceu para receber minha obra naquela hora em que os outros cinemas fechavam suas portas. E, milagre! A sala lotava noite após noite! El Topo virou um filme cult. Depois de dois anos de projeções noturnas, outros criadores apresentavam seus filmes no mesmo horário. Assim nasceu o conceito de “Cinema de Meia-Noite.” encorajado pelo sucesso, eu escrevi o roteiro de Os Filhos d'El Topo. Todos os estúdios de Hollywood, que me consideravam um extraterrestre, se opuseram. Alguns produtores, aficionados, tentaram me ajudar, mas o cinema é a mais cara de todas as artes, e não consegui reunir o dinheiro necessário. Os anos passaram, mas meu sonho sobreviveu. um dia eu me disse: “se não posso filmar meu roteiro, posso transformá-lo numa história em quadrinhos.” Eu esperei ainda alguns anos, sem perder a fé, até encontrar, em 2016, José Ladröon, o desenhista ideal - não direi “genial” para não ferir sua modéstia - para fazer tanto uma “HQ normal” quanto um “filme gráfico”, em que cada página está dividida em três tiras para que, como em uma tela, o leitor-espectador de estar em uma sala de cinema. 

O fracasso não existe. É apenas um outro caminho."

Tradução: Reverendo
Letras: Elicarpo

Mais um lançamento exclusivo! 
ESPERAMOS QUE COMENTEM!!!

DOWNLOAD:


Comentários
5 Comentários

5 comentários:

 
Blogger Templates